Voltei

Depois de um longo e tenebroso inverno… errrr, na verdade no meio dele, vou tentar voltar a escrever aqui no Blog.

Minha família toda reunida em Québec

Ando muito ausente daqui, mas é por um bom motivo :) O tempo está raro, seria preciso ter um dia de 30h pra dar conta de tudo, mas já já tudo volta ao normal. Neste meio tempo vou tentar parar pelo menos umas duas vezes por semana para escrever alguma coisa aqui.

No mais, quero desejar a todos que 2012 seja de realizações e de sucesso nos seus projetos de imigração.

Boa sorte e obrigado por estarem sempre aqui.

28 responses to “Voltei”

  1. Leandro Bastos says:

    Primeiramente, parabéns pelo blog. Tenho lido alguns posts, desde os mais antigos, e tenho encontrado bastante informação.

    Bom, tenho algumas questões que ainda não consegui resposta, resolvi escrever pra ver se de repente consegue me ajudar:

    Estou pensando em imigrar com minha esposa, mas ainda não decidimos para qual província. Me interessei bastante por British Columbia e Manitoba, mas a que tenho encontrado mais informações tem sido Quebec. Estava tentando evitar Quebec porque ainda estou começando com o francês, e não queria esperar muito tempo para iniciar com o processo. Você sabe como está o ritmo de imigração para as províncias de BC e MB?

    Eu tenho graduação em Psicologia, e minha esposa não é graduada. Minha experiência em psicologia é basicamente estágio e iniciação científica, mas no começo pretendo trabalhar com TI (não tenho formação na área, mas tenho experiência comprovada de uns 3 anos na parte de infra). Minha esposa possue mais experiência na área de vendas. Eu sei que para trabalhar como psicólogo preciso me registrar, e para isso vou precisar ter pelo menos mestrado, dependendo da província. Você conhece algo da área de Psicologia? Acha que tenho chance de ser aprovado para essa área, ou que tenho mais chances de ser aprovado em TI?

    Eu estou querendo muito mesmo imigrar. Estamos pesquisando bastante, tentando escolher o local, e ver se realmente temos chances de ser aprovados, e de como fazer o processo da maneira correta. Se puder nos ajudar com alguma informação, será de grande ajuda.

    Um abraço,
    Leandro

    • Pedro says:

      Olá Leandro, informações sobre imigração para British Columbia você encontra aqui: http://www.welcomebc.ca/wbc/immigration/index.page e para Manitoba está aqui: http://www.immigratemanitoba.com/. Talvez seja mais fácil você tentar como profissional de TI por ser uma profissão que não é regulamentada, como psicologia por exemplo, e pelo fato de você já ter experiência na área. Agora, dizer com certeza se é mais fácil ou não foge minhas atribuições :). Olha, pra ser sincero com você eu não conheço nada sobre os processos de BC e MB, então dê uma vasculhada nestes dois sites que eu te mandei aí para saber como funciona.
      Abraços.

  2. Leandro Bastos says:

    Obrigado pela resposta, Pedro!

    Eu já estava olhando o site de BC. Vou continuar pesquisando e dar uma olhada no de MB tb.

    Só fico um pouco apreensivo de tentar TI pq não tenho formação na área, mas vou dar uma analisada melhor nessa possibilidade, e ver se consigo tirar pelo menos umas 2 certificações ainda esse ano.

    Mais uma vez, obrigado.

    Abraço,
    Leandro

  3. Erismar Lima says:

    Seja bem vindo a SEU blog, meu caro Pedro!

    Que bom que voltou e espero que na medida do possível escreva algo ok? Um abraço e mil felicidades pra vcs…Valeu.

  4. Thiza says:

    Oi Pedro!!!!!

    Que bom revê-lo por aqui! Pensei que tivesse desistido do blog (dramática…) hehehehe
    Mas essa falta de tempo é um negócio sério mesmo hein, ainda mais com a família aumentando. Um Feliz 2012 pra vcs!

    Bjo

    • Pedro says:

      Oi Thiza, não, ainda não desisti do blog. Por mais difícil que seja continuá-lo, pretendo fazê-lo por mais alguns anos. Acho que ainda terei disposição (e tempo) para isso. Beijos.

  5. Fernanda Mayara says:

    Olá Pedro..primeiramente quero parabeniza-lo oelo blog…adorei!
    Como muitas pessoas eu e emu mrido estamos pensando em imigrar para o canadá daqui há uns 4 anos…estamos começando nossa trajetória,estou me formando em enfermagem e ele é graduado em redes de computadores…quanto a área de enfermagem tenho bastante informações…mas sobre a área dele gostaria de saber se é um bom campo de trabalho aí…espero que vc possa me ajudar…
    obrigada…

    • Pedro says:

      Fernanda, tanto a sua área quanto a área do seu marido são áreas de alta demanda e de bons salários. Acho que vocês vão se dar muito bem aqui. Só depende do empenho e dedicação de vocês. Abraços e boa sorte.

  6. Camila Az says:

    Olá Pedro! Parabéns pelo blog! As informações que você divulga aqui são de grande valia! A medida que as dúvidas forem surgindo contarei com a sua ajuda para saná-las! =D

  7. Rodrigo Andruchewicz says:

    Olá muito bom seu blog, leio sempre que posso, eu queria te pedir um favor se puder é claro, eu estou planejando ir para montreal antes de começar a fazer meu processo de imigração isso se deve ocorrer em julho do ano que vem, pois é quando termino a graduação de enfermagem, então o que eu quero é se não teria como vc me passar o contato desses seus amigos que vc criou em uma homestay que li em um post seu, queria ficar em uma casa de familia para aprimorar meu françês.

    • Pedro says:

      Olá Rodrigo, pergunta: quando você vier pra cá, você pretende se matricular em algum curso de francês? Se sim, a própria escola fornece o serviço de homestay. Se não, teria que saber quando você está vindo para ver se eles terão disponibilidade para te receber. Abraços.

  8. Diego Sobreira says:

    Olá, Pedro! Excelente blog, está me ajudando muito a pensar sobre o meu futuro! Vou entrar na faculdade agora de Ciência da Computação e queria saber em qual parte de desenvolvimento mais se atua ai no Quebec (Web ou Desktop). Grande abraço, parabéns pelo blog!

  9. Andressa says:

    Oi Pedro. Pretendo viajar pro Canadá daqui ha 1 ano e passar mais ou menos 2 anos morando em Toronto ou Vancouver com uma amiga. Ela fala inglês, espanhol e fez algumas aulas de francês. E eu, bem, só falo português mesmo, rs. Já tentei aula particular, cursinho, mas nada adianta. Tenho uma super dificuldade e achei que o único jeito era viajando pro exterior, mas antes irei fazer algum “intensivão” pra não chegar lá completamente boiando, hehe. Meus planos é de primeiramente trabalhar em algum bar português, como bartender até aprender inglês e ir trabalhar em alguma boate maior para ganhar mais.
    Por isso tenho uma pergunta pra te fazer..
    Em quanto tempo você acha que eu conseguirei falar inglês “fluente”? Sendo capaz de manter qualquer tipo de conversa.
    E também gostaria que você me desse alguns conselhos.
    Desde já eu agradeço.
    Beijos.

    • Pedro says:

      Andressa, fluência é algo muito relativo, mas tenho certeza que se você tiver que falar somente inglês, o tempo todo, ao final dos dois anos você vai estar falando inglês direitinho. Antes disso, vai depender de você. Eu acho que 6 meses é um período razoável pra já estar falando bem. Como conselho: assista bastante tv, filmes, seriados, jornais; leia bastante e preste muita atenção no sotaque e na pronúncia das palavras. Brasileiro tem uma tendência a pronunciar palavras em inglês como se estivesse falando português, o que é errado e feio pra caramba. Aprenda com os outros, observe os outros, este é o jeito mais fácil :)

      Beijos

  10. jo says:

    Ola Pedro, parabens primeiramente pela boa vontade e paciencia em escrever para os leigos no assunto, e em segundo por dar informacoes tao detalhadas…o blog e sua troca de informacoes eh simplesmente otimo! Sou enfermeira, tenho experiencia em UTI de 8 anos, tenho duas pos um MBA em gestao de saude, e outro em terapia intensiva, meu marido eh medico e termina em dois anos a redisencia tb em terapia intensiva, o q nos motiva a ir por Canada nao eh nem o financeiro, mas a qualidade de vida, estamos fartos de se acabar de trabalhar ganhar salarios miseraveis, e viver no meio de assalto, inseguranca, e todas as insatisfacoes q vc deve imaginar…nao temos filhos, mas queremos para nossos filhos uma vida com mais qualidade…queremos investir nesses 2 anos q faltam da residencia dele, em frances, cursos e especializacoes focalizar totalmente nossas forcas para ir embora, mas nao sabemos se ele conseguira emprego como medico, e em que area seria mais facil para q eu conseguisse emprego como enfermeira, alem de um bom curso de frances para mim, o q mais posso fazer? e ele pelo q vc sabe, consegue na area? a qualidade de vida vale a pena? obrigada

    • Pedro says:

      Olá Jo, a boa notícia é que a sua profissão está em alta demanda, então se você já tiver um bom nível de francês, passar pelo exame de ordem e conseguir um emprego vai ser muito fácil. A má notícia, no caso de vocês, é que seu marido dificilmente conseguirá trabalhar como médico aqui no Canadá. Se ele conseguisse cursar medicina aqui aí sim ele conseguiria, mas entrar na faculdade de medicina são outros 500. Não quero desanimar vocês, estou sendo realista. Se ele cogitar mudar de profissão, ou quiser arriscar passar pelo processo de reconhecimento aqui no Canadá e se imigrar for realmente o desejo de vocês, então vão em frente. Com relação à qualidade de vida, sim, morar aqui é muito bom, tem suas facilidades, é muito diferente do Brasil. É um outro estilo de vida, é uma outra rotina, é super tranquilo. Uma vez que você se estabiliza aqui, que você se acostuma, você não pensa mais em voltar :). Abraços

  11. Essa mão na barriga…esse “minha família toda na foto”….significa algo…que está por vir? meus parabéns!!!

  12. Gustavo says:

    Pedro,

    Encontrei seu blog quando buscava informação sobre imigração para o Canada e achei muito interessante sua abordagem sobre o assunto, muito prática e simples!

    Minha dúvida é a seguinte: pretendo me casar com minha namorada e depois ir para o Canada. Tenho Inglês avançado porém frances muito básico (pretendo fazer Aliança Francesa aqui em Brasília). Como funciona o esquema de homestay caso eu esteja casado? As famílias aceitam casais? Pretendo fazer curso de francês aí também.

    Obrigado pela atenção!

  13. Edinho says:

    Olá Pedro, tive a felicidade de encontrar o seu blog em meus passeios pela internet…

    Pude conhecer Montreal, bem como outras cidades da província de Quebec e só fez aumentar a minha vontade de imigrar para o Canadá. Visitei e fiz novos amigos aí.

    A partir do 2o semestre, começarei todo o processo para realizar esse sonho, porém, as dúvidas iniciais são muitas e gostaria de sua ajuda, se possível. Ainda mais que você é da área de TI, como eu.

    Bem, atualmente sou Arquiteto Java, mas com pouca experiência, logo daria um passo atrás para Anal. Desenv. Java Senior sem problemas. Possuo as certificações sopa de letrinhas da Sun (SCJP, SCWCD e partindo para o SCEA). Trabalho na área há 14 anos (desde meus 17 anos) e em Java a 10.

    Minha principal dúvida é que comecei uma graduação em uma federal, mas larguei no 4o ano (de 5 anos). E fiz um 2o grau técnico (atual ensino médio). Atualmente estou fazendo uma graduação para outra paixão que tenho, aviação civil.

    Aqui no Brasil, por conta da minha experiência, certificações e cursos, me garanto tranquilamente mas para o Canadá, a coisa é diferente. Logo gostaria de saber o seu ponto de vista, tanto para o processo de imigração, quanto para a conquista de um emprego.

    Outra pergunta seria o tempo médio do meu processo, haja visto que minha profissão saiu da lista de ocupações elegíveis.

    Um abraço e parabéns pelo blog!

    • Pedro says:

      Edinho, o ensino técnico deve ser suficiente para o processo. Uma vez aqui, graduação não vai pesar muito para você conseguir emprego, o que vai pesar é a sua experiência, que pelo visto você tem de sobra. As certificações com certeza te ajudarão. Não sei quanto tempo está durando exatamente o processo. Acho que a parte do Québec deve demorar uns 5 meses e a do Federal deve demorar uns 12 a 14 meses. Seria bom, caso você possa, ir a alguma palestra de informação do Québec pois lá eles te darão uma estimativa mais precisa, além de informar sobre as novidades do processo. Abraços.

  14. Edinho says:

    Complementando…

    Meu inglês é avançado (como você bem disse, não fluente por não estar ao mesmo nível do português). Converso tranquilamente nas reuniões de projetos internacionais e quando fui à passeio para Qc.

    Meu francês é básico, mas já comecei a estudar para mudar a situação.

    Minha graduação era Ciências da Computação e o curso técnico era o antigo Processamento de Dados.

    Um abraço

  15. Leila says:

    Salut
    Bonsoir! Comment ça marche?
    Mais uma vez parabéns pelo blog

    Pedro, andei fazendo algumas pesquisas e verifiquei Sobre o processo dos tecnicos de enfermagem já sei que devemos fazer a equlivalencia de estudos no MICC e ai procurar a ordem dos infirmiere auxiliares e aguardar o estudo do orgão para saber se precisa estudar no Cegep + estagio. Se você puder me ajudar com mais informações. Olhei os sites indicados por ti, muita informação importantes mas se você puder me informar como é a profissão de Assistente Social, se demanda emprego ou é difícil de conseguir.Vi que tem Assistentes Sociais em todas as Escolas do Canadá, é uma exigência do governo.

    Merci beaucoup!

Leave a Reply to jo Cancel reply